Acolhimento da equipe de radioterapia proporcionou um tratamento mais tranquilo para o menino Keven, de 4 anos

O atendimento humanizado, o acolhimento e a empatia da equipe do Grupo Leforte foram fundamentais para o tratamento que o garoto Keven, de 4 anos, realizou até aqui. Ele passou por uma cirurgia para a retirada de um tumor cerebral e completará, no próximo dia 08 de março, as sessões de radioterapia. A partir de então, iniciará uma nova fase, com as aplicações de quimioterapia.

“Fomos muito bem acolhidos. A equipe toda ajudou muito o Keven e também toda a nossa família”, destaca o pai, Claudio Diniz de Carvalho. Ele lembra que o ponto alto foi a preparação para as sessões de radioterapia, quando foi feito o molde da máscara de proteção.

“Conversando com o Keven, o médico perguntou qual era o super-herói preferido dele. No dia da primeira sessão, lá estava a máscara com a pintura do Homem Aranha. Foi muito importante para que ele enfrentasse todo esse tratamento como se fosse um herói”, completa Claudio.

 

 

A iniciativa da equipe do Grupo Leforte garantiu que o garoto passasse pelo tratamento de radioterapia de uma maneira mais tranquila, sem o uso de anestesia.

“Isso foi um acontecimento raro. Normalmente, uma criança de 4 anos precisa da anestesia para conseguir passar por esse procedimento. Mas o Keven superou todas as expectativas, graças à sensibilidade da equipe. A abordagem lúdica, humanizada, fez toda a diferença. A máscara pintada de super-herói foi um dos fatores para que ele encarasse o tratamento com mais confiança”, destaca o coordenador do Serviço de Radioterapia do Grupo Leforte, Daniel Grabarz.

Conheça o Centro de Oncologia do Grupo Leforte

Conheça o Centro de Pediatria do Grupo Leforte

Agende consultas e exames aqui

Este conteúdo é meramente informativo e educativo, sendo destinado para o público em geral. Ele não substitui a consulta e o aconselhamento com o médico e não deve ser utilizado para autodiagnóstico ou automedicação. Se você tiver algum problema de saúde ou dúvidas a respeito, consulte um médico. Somente ele está habilitado fazer o diagnóstico, a prescrever o tratamento mais adequado para cada caso e acompanhar a evolução do quadro de saúde do paciente.
Testemunhos

Gostaríamos de agradecer ao Dr Pierry Louys Batista, em nome de todos os pediatras, toda equipe assistencial, de atendimento, segurança, higiene e do laboratório Delboni, pois percebemos que houve a verdadeira hospitalidade que todos falam, mas poucos exercem: a de fora dos livros.

Gustavo Ambrósio Tenório

Equipe de enfermagem muito bem preparada, atenta e disponível para qualquer chamado. Muito educada e cordial também, por exemplo, sempre ao entrar no quarto os enfermeiros avisavam meu pai que a luz seria acesa, não acendendo diretamente na “cara” da pessoa, que estava despreparada.

Antônio Rafael de Carvalho
banner